4 PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE OXIDAÇÃO NO COBRE

Tempo de leitura: 5 minutos

Você já deve ter ouvido falar sobre oxidação no cobre (que são aquelas manchinhas escuras que aparecem no cobre) ou até mesmo já deve ter tido contato com essa reação química que não deixa de ser muito interessante.

Recebo sempre muitas dúvidas com relação à oxidação e por isso resolvi abordar esse tema, espero sanar suas dúvidas, mas caso elas persistam não deixe de me escrever um email. Então vamos lá!

1º O que é a oxidação?

O cobre quando permanece em contato com o ar atmosférico perde lentamente os elétrons e cria uma superfície de cor verde escura que é a famosa oxidação essa camada também é conhecida como azinhavre.

Esse processo de oxidação é muito comum entre as peças de cobre e vou explicar mais sobre isso, continue lendo.

2º Oxidação faz mal?

Muitas pessoas ficam preocupadas quando compram uma peça de cobre com relação a oxidação, suas principais dúvida é com relação a comida e manutenção dessas peças. Por isso decidi ajudar, vejamos então:

    Peça Decorativa VS Oxidação:

O Cobre tem sido utilizado como decoração desde a sua descoberta e essa utilização tem como resposta positiva das pessoas que optaram por esse metal singular que hoje é utilizado nas mais diversas peças decorativas.

Desde o início esse metal tem alguns traços marcantes e por incrível que parece um deles é a própria oxidação. Muitos aderiram ao cobre justamente por esse aspecto envelhecido que a oxidação promove para as peças, então atualmente a opção do cobre oxidado ainda é comum no mercado.

Apesar desse grande interesse pelas peças decorativas oxidadas os artesãos começaram a oferecer uma solução que agradou e muito aos amantes do Cobre. Hoje grande parte das peças podem ser obtidas com uma camada de verniz o que impede esse processo de oxidação, mantendo a cor da peça por muitos anos.

Ficando muito claro para nós que a oxidação no âmbito de decoração é uma opção que vai ter como variável apenas a preferência do cliente pelo aspecto da peça.

    Utilidade VS Oxidação:

Quando se trata do cobre dentro de cozinhas, restaurantes e bares o assunto é bem interessante e não deixa de ser delicioso, isso mesmo delicioso, existem diversas produções de receitas super tradicionais em tachos, canecas e panelas de cobre, esse é, por exemplo, o caso do Doce de Leite que é produzido tradicionalmente no tacho de Cobre.

Outro exemplo são os drinks famosos da Moscow Mule, entre outros. Então aqui estou me referindo a situação da utilização dessas peças, que podem ser utilizada com tranquilidade desde que as mesmas sejam higienizadas com limão e sal antes de produzirem quaisquer alimentos, conforme mostrei no vídeo abaixo:

Sendo assim fica muito simples a utilização dessa peça dentro da sua cozinha ou recepção, basta efetuar a higienização da mesma com muita qualidade o que vai aumentar ainda mais a satisfação daqueles que tem contato com essas incríveis receitas nas peças de cobre.

3º Como evitar a oxidação no cobre?

Então até aqui eu entendi muito bem cada aspecto da oxidação, e inclusive como limpá-la, porém muitas pessoas perguntam para mim o que fazer para evitar a oxidação de alguma peça de cobre.

Bom minha resposta é simples, porém vai solucionar esse problema, você quer uma peça com a cor vermelhinha do cobre pra sempre? Então compra essa peça com verniz (ah se tiver verniz não pode ir ao fogo ein?!) agora se quer uma peça bem rústica e envelhecida basta então comprar a peça sem verniz e esperar que o tempo se certifique de oxidá-la.

A oxidação do cobre sem a camada de verniz é inevitável e por isso é importante decidir como qual peça comprar bem antes, vou deixar um vídeo abaixo mostrando melhor como fazer isso:

4º Como limpar a oxidação?

Tudo bem você optou por ter uma peça envelhecida na decoração e comprou uma peça de cobre sem verniz, porém chegou um belo dia e você decide que quer ver aquele produto vermelhinho novamente e essa é outra opção para quem quer variar às vezes na decoração.

Para limpar é muito simples e existem muitos macetes e dicas de como limpar o cobre, porém nós já ensinamos aqui como fazer essa limpeza, utilizando apenas de limão, sal, palha de aço, detergente e água, conforme mostramos no primeiro vídeo.

Mais uma importante observação, se você comprou uma peça sem verniz e essa peça ficou oxidada e você decidiu limpar ela depois de um tempo, não se esqueça que ela vai continuar oxidando, cada vez mais, que foi o caso da Estátua da Liberdade que é a maior estátua de cobre do mundo e inicialmente era avermelhada e hoje é verde escura devido à oxidação. Sabendo de tudo isso fica fácil escolhe uma peça oxidada ou envernizada, não é mesmo?!

Se restou alguma, entre em contato conosco, clique aqui!

Referências:

http://bit.ly/1TJwQiDhttp://bit.ly/2qf0vYqhttp://bit.ly/2oMwXB6http://bit.ly/2plYTz3 | http://bit.ly/2p4Ghmt

5 Comentários


  1. Bom dia,
    Temos uma produção seria de Tubos de Cobre (Passadores que são usados em compressores), ele passa por um processo de lavação ( Ultrassom, desengraxe , enxague, secagem, banho de desengraxe , banho de enxague) com Variclean. Então são embalados em sacos plásticos fechados e enviados ao cliente, mas ocorreu uma avaria pois apenas dois sacos que estavam 20 dias no cliente estavam com cobres oxidados (com manchas), gostaria de saber se eu embalar os cobres quentes e fechar o saco eles podem sofrer oxidação? Quais são as causas que você acredita ser? Pois é um erro pontual acredito, pois vão vários sacos por dia no cliente, e ocorre a oxidação apenas em dois.

    Responder

  2. Li. li e não respondeu o que eu queria saber , se vc deixa uma manteiga de porco no tacho de cobre e ele começou a soltar o zona o , o que devo fazer??? posso usar a manteiga ou não ?????????

    Responder

  3. Limpo Qualquer ‘Tipo de Oxidação’, (Inclusive: Medalhas, Correntinhas), com : ‘Creme Dental’!
    Sendo Ele uma Espécie de Abrasivo, Limpa e Deixa ‘BILHANDO’!
    Tenho uma ‘Bateria Acústica’,(Música), e Limpo Toda ‘Ferragem’ dela com ‘Creme Dental’!
    Tb as Peles e o Casco!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *